O que é um Grupo de Reflexão?

O Grupo de Reflexão é formado de pessoas que fazem opção de se organizarem em grupo, de forma permanente.  Fazem reuniões a partir da Bíblia para refletir e viver a Palavra de Deus.
O objetivo do grupo de reflexão é o aprofundamento da Palavra de Deus e o treinamento para a missão. O grupo de reflexão existe para formar leigos missionários.

Para as reuniões semanais do grupo e para o plenário mensal dos vários grupos da comunidade, nós temos os Roteiros que nos vêm da Diocese. É maravilhoso ver como a nossa Diocese apóia os grupos de reflexão. [1]

1. ORGANIZAÇÃO MÍNIMA
Para que possa haver verdadeira e frutuosa reflexão, os grupos são pequenos. De 10 a 12 pessoas. Passando de 12 membros, é bom criar um novo grupo. Mas criar, em comum acordo com a coordenação a nível de comunidade, como veremos logo a seguir, no número dois.
Cada grupo precisa de um(a) animador(a) e um(a) secretário(a). Esses são os responsáveis pela organização de tudo com antecedência. Organizar as reuniões semanais dos grupos e a participação dos plenários mensais. Nada de improvisação.
2. A COORDENAÇÃO EM NÍVEL DE COMUNIDADE
Tendo a comunidade vários grupos de reflexão, deverá haver na comunidade uma "equipe de coordenação dos grupos de reflexão” da comunidade toda. Essa coordenação não pode ficar nas mãos de uma só pessoa, é claro. É bom que essa coordenação seja de 3 a 5 pessoas.
A grande função dessa equipe de coordenação é cuidar para que na comunidade não surjam grupos "avulsos", desligados dos outros, e desligados das orientações da paróquia.
Cuidado, pois, para não criar grupos descartáveis, só para constar. Um grupo só para batizar seus filhos, por exemplo. Isso banalizaria um trabalho que é muito sério.
Portanto, alguém que já tem uma caminhada e deseja fundar um novo grupo, converse com a equipe de coordenação dos grupos em nível de comunidade. Essa equipe de coordenação vai ajudar a surgir um novo grupo bem unido ao corpo eclesial, no caso à paróquia.
Pe. José Herval Ferreira



[1] O grupos de reflexão, quanto mais se empenham na missão, mais necessitam de embasamento. Para isso, é importante que os membros dos grupos procurem se inscrever e participar dos cursos promovidos pelo Mobon, particularmente o da Semana Santa (C. Fraternidade) e do Natal.

Comentários