Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2015

Dez Mandamentos do Grupo de Reflexão

“Sigam o caminho que Javé se Deus lhes ordenou, para que vivam, sejam felizes e prolonguem a vida na terra...” (Dt 5,33).   Deus tirou o povo da escravidão do Egito. E, para que o povo não voltasse a ser escravo, Deus deu os 10 mandamentos. Seguindo os mandamentos, o povo seria fiel a Deus e iria sempre viver em liberdade.  A Bíblia é a Palavra que Deus semeou no meio do povo. É uma Palavra libertadora e quem se firma na Palavra de Deus, vive na liberdade. “A Verdade vos libertará”. Deus quer que seu povo caminhe na fidelidade à Bíblia. “Não se desvie dela nem para a direita, nem para a esquerda e você terá sucesso em todos os seus empreendimentos” (Josué 1,7).  O Grupo de Reflexão é que nos faz firmar a vida na Palavra de Deus. Temos aqui os 10 Mandamentos do Grupo de Reflexão . Com eles, o grupo não perde o prumo nem o rumo das reuniões e da vida em comunidade. 01 - TER DIA E HORA CERTA PARA FUNCIONAR 02 - LEVAR SEMPRE A BÍBLIA 03 - NÃO DEIXAR A REUNIÃO PASS

Os Primeiros Cristãos faziam Grupo de Reflex]ao

Eles eram perseverantes em ouvir os ensinamentos dos Apóstolos (At 2,42)  A Palavra de Deus é anunciada para formar o Povo de Deus. Não tem jeito de pensar em comunidade cristã desligada da Bíblia. É ela que convoca e reúne o povo. A comunidade nasce da Palavra de Deus. A Bíblia é como uma fonte que reúne as pessoas e permite o nascimento da comunidade. Por isso o Grupo de Reflexão é o ponto básico da comunidade. É através dele que vamos criando intimidade com a Bíblia, aproximando os vizinhos e desenvolvendo a solidariedade. O Grupo de Reflexão é o canteiro donde brotam os serviços e as pastorais da comunidade. Quando um católico ou um movimento de Igreja não valoriza o Grupo de Reflexão, eles ficam sem rumo, sem fundamentação. Isto faz com que continue existindo o "católico de fila", aquele católico de tradição, sem ter razões conscientes de sua fé. Um movimento de Igreja sem a reflexão da Bíblia, fica fechado em si, enrepolhando e por isso vai morrendo de dentro par

Leitura Orante da Biblia

Letra da música: 1. A leitura vou fazer / vou rezar e refletir, / devo, então, me perguntar: / o que o texto diz em si? Ler, meditar, rezar e contemplar / Passos tão pequenos, fazem a vida transformar. (bis) 2. Meditando, passo a passo / vou assim, sem distrair, / Perguntando, perguntando: / O que o texto diz pra mim? 3. E agora vou rezar, / por aqueles que são teus / abrirei meu coração:/ O que vou dizer a Deus? 4. Contemplar, enfim, eu vou, / sem ter pressa e sem demora / meu Senhor já me enviou: / O que vou fazer agora? Denilson Mariano Método da Leitura Orante. O método  da Leitura Orante da Palavra de Deus (Lectio Divina) é composto de pelo menos quatro passos: a) leitura; b) meditação; c) oração; d) contemplação. Vejamos, em resumo, esses quatro momentos ou quatro passo da Leitura Orante. 1º passo – Leitura (o que o texto diz em si): É a leitura calma e atenta do texto indicado na Sagrada Escritura.  É prestar atenção às palavras, aos personagens do

Jesus fez Grupo de Reflexão

 "Não ardia o nosso coração quando Ele nos explicava as Escrituras?" A Bíblia é um livro muito interessante. Na medida em que vamos ficando mais familiarizados com ela, na medida em que ela vai sendo aninhada em nossa vida, vamos descobrindo muita coisa boa e importante. Vamos compreendendo o que está por detrás das palavras do texto. Lendo com atenção Lucas 24, 13-35,  vemos que Jesus reflete as Escrituras com seus discípulos no caminho para Emaús. Podemos dizer que Jesus fez um pequeno Grupo de reflexão com seus discípulos. Neste Grupo de reflexão de Jesus tem três pontos marcantes.   1º - PARTIR DA REALIDADE: Jesus começa a reflexão com os discípulos de Emaús a partir do que estava acontecendo: o desânimo dos discípulos (Lc 24,13). Ele começa fazendo pergunta: O que vocês andam conversando pelo caminho? Como os olhos ainda estavam "fechados", era a oportunidade para abrir o coração diante dos acontecimentos. 2º - LEITURA DA BÍBLIA: Depois que Jesus ouve

Grupo de Reflexão, uma necessidade

"Que o livro dessa lei esteja sempre em seus lábios; medite nele dia e noite" Muita gente ainda estranha a necessidade do Grupo de Reflexão. Acha que é coisa inventada agora. Há quem diga que no tempo de seus pais e avós não existia isto e eles viviam muito bem a sua religião.  No começo da caminhada do Povo de Deus, já havia um pedido insistente, que até soa como uma ordem de Deus, para que o povo refletisse e fizessem tudo o que a Palavra de Deus estava mandando. É o que lemos em Josué 1,6-9. Deus nos recomenda a não nos afastarmos de Sua Palavra. É seguindo esta Palavra, iluminando nossa vida com a Bíblia, é que realizaremos o projeto de Deus. O que aconteceu é que a Bíblia, durante muito tempo, ficou sumida de nosso meio. Por isso a Palavra de Deus foi esquecida. E assim houve um descuido na leitura, na reflexão e na execução das diretrizes da Palavra de Deus. Podemos ver o próprio Deus insistindo na leitura e meditação do Livro da Lei. Ou seja, o Grupo de